WhatsApp Image 2020-03-30 at 19.20.02.jpeg

Sociedade vilaboense arrecada alimentos e materiais de limpeza na cidade de Goiás

Por João Paulo Lopes Machado. Criada em 30/03/20 19:39. Atualizada em 30/03/20 20:12.

Campanha promove medidas de auxílio aos mais necessitados afetados pelo Covid-19

Redes Solidárias para Circulação de Alimentos na Cidade de Goiás é um grupo da sociedade civil organizada que possui como objetivo auxiliar nas medidas que buscam evitar que as pessoas mais desprotegidas socialmente passem fome nesse momento de crise ocorrida pela pandemia do Coronavírus. Essa ação contribui para o enfrentamento da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do COVID 19.

O grupo tem como intuito a promoção de uma campanha de arrecadação de donativos, contribuindo com o poder público no mapeamento das pessoas que precisam do apoio e na distribuição dessas doações.

A Prefeitura Municipal de Cidade de Goiás está participando do mapeamento de pessoas, necessitadas atingidas pelas medidas de prevenção do Covid-19, para receberem as doações.

Como doar?

O ponto de entrega no qual os interessados podem deixas as doações é na Secretaria Municipal de Assistência Social, que localiza-se na Rua Dr. Neto, Centro. O horário de recebimento das contribuições é das 8h às 17h.

O grupo também pode buscar as suas doações à domicílio. Para isso é necessário ligar na Secretaria Municipal de Assistência Social nos números: (62) 3371-7717 e 3371-7719. Se preferir há também números de celular para contato:

  • (62) 98181-1542 (Luciana);
  • (62) 98501-5644 (Cleuton);
  • (62) 98480-3089 (Júnior Cortês).

É possível também entrar em contato pelo e-mail redessolidariasgoias@gmail.com.

Já as doações financeiras podem ser depositadas na seguinte conta: Banco do Brasil, agência: 0277-1, conta corrente: 175145, em favor de: Caritas Diocesana de Goiás, CNPJ: 0 8.853.035/0001-85.

O que doar?

Os seguintes tipos de alimentos e produtos de limpeza foram destacados como sugestões de doação:

a) Lista de alimentos:

-Arroz
-Açúcar
-Atum
-Bolachas
-Café
-Feijão
-Farinha
-Leite em pó
-Macarrão
-Óleo
-Tempero alho e sal

b) Lista de produtos de limpeza e higiene pessoal:

-Álcool
-Álcool gel
-Água sanitária
-Detergente
-Desinfetante
-Máscaras
-Papel higiênico
-Sabão em pó
-Sabão em barra
-Sabonete
-Sabonete líquido
-Fraldas P M G
-Fraldas geriátricas
-Roupas de crianças
-Roupas de adultos
-Roupas de cama
-Calçados infantis
-Calçados adultos

A ideia

A professora Luciana Helena Alves da Silva, do curso de Arquitetura e Urbanismo, é uma das responsáveis pela construção desse projeto. "Esse projeto nasceu de uma preocupação sobre as pessoas que trabalham e que, depois do COVID-19, não puderam mais trabalhar. Outras pessoas também se perfilaram com a mesma preocupação e, a partir disso, montamos o grupo. A ideia é ajudar as pessoas que precisam, ao mesmo tempo em que buscamos a manutenção de um mínimo de segurança alimentar e bem-estar para todos. Além disso, indiretamente ajudamos a combater a violência nas ruas e a doméstica também", explica a professora.

Luciana ainda expõe a dupla responsabilidade da criação da rede: "A secretaria pode buscar a doação na sua casa e também entregar na casa de quem precisa. É uma responsabilidade dupla de manter as pessoas em casa e fazer com que nos coloquemos no lugar do outro".

Fonte: João Paulo Lopes

Categorias: Noticias